quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Escher

O Holandês Maurits Cornelis Escher é reconhecido pelo seu incrível talento artístico em misturar elementos de surrealismo com elementos de matemática além de sua incrível técnica em xilografia e litografia.
Gostava de trabalhar desenhos com Ilusões de Espaço e Formas, Prédios Impossíveis e Mosaicos Geométricos Infinitos (tessellations). Geralmente seus desenhos eram em preto e branco.
Nasceu em 17 de junho de 1890. Começou com seus estudos da arte com o professor F. W. Van de Haagen, com quem aprendeu a trabalhar com as formas e a desenhar em linóleo. Escher ingressou na Escola Secundária de Haarlem para estudar arquitetura.
Contudo, em 1919 um artista Holandês chamado Samuel Jessurun de Mesquita reconhecendo as grandes aptidões de Escher, insistiu para que ele desistisse da arquitetura e se dedicasse apenas às artes gráficas. Isso foi fácil para o jovem Maurits,
pois seu desejo nunca foi realmente se embrenhar no ramo da arquitetura em primeiro lugar.

Os alunos do 5o ano escutaram atentamente sobre a breve biografia de Escher e conheceram alguns de seus desenhos como este auto retrato.

Auto retrato de Escher

Após a observação de alguns trabalhos de Escher, explorando as diversas temáticas e o uso do preto e branco como uma das principais características presentes em seus trabalhos, os alunos produziram composições feitas com colagens de folhas de jornal recortadas sobre papel corlor set preto. A margem foi feita com barbante. Ficaram bem interessantes!!





Nenhum comentário:

Postar um comentário