sexta-feira, 29 de abril de 2011

Alimento da alma


Música para alimentar a alma, 
para cerrar os olhos e sonhar acordado, 
Notas musicais que nos carregam pelo vento
e nos fazem voar alto e para bem longe.
Sobrevoar montanhas, bosques, rios e mares.
Sobrevoar o tapete de retalhos, 
que forma a vida real e concreta
do mundo que conhecemos.
Sentir a brisa fresca da noite iluminada pelas estrelas que 
seguem caladas na escuridão,
salpicando o céu de pontos brilhantes.
Deixar as notas carregarem o pensamento 
para o mundo das coisas possíveis.
Chegar ao lugar que só se chega em sonhos.
Ou em devaneios.
E depois...
 adormecer com o espirito inebriado, a alma em êxtase,
satisfeita pelo alimento invisível que 
preencheu o vazio da existência,
o lugar onde moram os desejos, os sonhos mais secretos,
as sensações mais intensas...
o ponto de partida, 
a arte de viver e sentir-se vivo, 
no sentido mais completo e nobre!

Nenhum comentário:

Postar um comentário